Distinguindo os papéis dos eventos verbais em experimentos sobre metacontingência

Contenido principal del artículo

Rafael Alves Rodrigues
Angelo Augusto Silva Sampaio

Resumen

Para explicitar as funções dos eventos verbais (i.e., interações, respostas ou estímulos verbais) em metacontingências, este trabalho descreve e discute experimentos sobre o tema que manipularam ou controlaram eventos verbais. Indicamos que a seleção de culturantes por consequências culturais pode ocorrer sem a presença de qualquer tipo de evento verbal, mas que esses eventos facilitam a coordenação das respostas componentes do culturante, permitindo um contato mais rápido com e uma maior produção de consequências culturais. Os eventos verbais também contribuem para determinar a distribuição de culturantes e operantes em situações de concorrência entre diferentes metacontingências ou entre metacontingência e contingência operante. As interações verbais entre os participantes parecem ainda serem essenciais para a emergência de coordenação entre respostas em experimentos sobre macrocontingências com humanos. Para além das interações entre os participantes, os eventos verbais funcionam como antecedentes ou consequentes em metacontingências, quando afetam a variabilidade e contribuem para a seleção de determinados culturantes, respectivamente. Concluímos que a terminologia básica tradicionalmente utilizada na área ainda é suficiente para tratar da seleção por metacontingências, mas que estudos envolvendo humanos precisam destacar a atuação de eventos verbais nas dinâmicas culturais.

Detalles del artículo

Cómo citar
Alves Rodrigues , R., & Silva Sampaio, A. A. (2023). Distinguindo os papéis dos eventos verbais em experimentos sobre metacontingência. Acta Comportamentalia: Revista Latina De Análisis Del Comportamiento, 31(3). Recuperado a partir de https://journals.unam.mx/index.php/acom/article/view/86451